Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico
Usuário
Senha

Notícias

Newsletter

Nome:
Email:

Paz em Casa: coletivos feministas de jovens expõem iniciativas e boas práticas

Em continuidade à programação da XIX Semana da Justiça pela Paz em Casa, em Sergipe, nesta quarta-feira, dia 24, foi abordado o tema Juventude e feminismo. O evento foi transmitido pelo canal do TJSE Eventos, no YouTube e apresentou iniciativas de Coletivos Feministas de jovens em Sergipe. A Juíza Rosa Geane Nascimento fez a abertura do evento e explicou a atuação da Coordenadoria da Mulher do Tribunal de Justiça de Sergipe na articulação de ações e políticas públicas voltadas para o protagonismo da mulher e para o enfrentamento à violência. “A Coordenadoria da Mulher atua na articulação das ações, possuímos uma série de projetos, estamos aqui para acolhê-los, para ouvir todas as iniciativas na matéria de recorte de gênero”, iniciou a magistrada. Participaram da temática Juventude e Feminismo, a comunidade escolar do Colégio Atheneu Sergipense, que, no ano de 2020, criou o coletivo feminista denominado Atheneu ONU Mulheres e alunas e professores do Colégio Módulo, representantes do Girl Up Aju. De acordo com o Professor de Sociologia do Atheneu, Yuri Noberto, o coletivo trouxe no ambiente escolar o protagonismo das mulheres, sejam alunas ou professoras. “Elas revolucionaram a escola, trouxeram temas que não eram debatidos e os abordaram com muita sensibilidade”. Ele salientou que, por meio do projeto, foi possível a arrecadação de mais de 20 mil absorventes para o combate da pobreza menstrual, material que será doado e distribuído para alunas de mais de 17 escolas. Ainda, conforme detalhou o professor, os espaços da escola e as discussões ganharam ressignificação com a intervenção do projeto. Temas que estavam adormecidos foram evidenciados; mais meninas se candidataram a líderes de turma; foi criado um grupo de meninas mulheres que coordenam pesquisas científicas; alunas trans, agora, têm protagonismo e participam de todas as discussões na escola, acrescentou o professor sobre os efeitos do projeto. “O Atheneu ONU Mulheres surgiu com a necessidade de enaltecer as mulheres, no momento da pandemia, em que a educação ficou muito fragilizada com um altos índices de evasão escolar. Isso mexeu muito com a gente. Nós, junto com o professor Yuri, trouxemos essa simulação para a nossa escola e somos a única escola no Brasil com Simulação da ONU específica para mulheres, com esse recorte de pautas femininas”, relatou a aluna Lenice Ramos. Ela ainda destacou que, como resultado do projeto, participou no Parlamento Jovem Brasileiro, no qual alunos de escolas públicas e particulares podem criar projetos de lei e na ocasião foi debatida a pobreza menstrual. “Por que não falar sobre esse assunto que tem crescido cada vez mais pensando nas mulheres em situação de cárcere? Então, eu criei o projeto e fui uma das quatro pré-selecionadas estaduais e fiquei em segundo lugar na etapa nacional”, informou Lenice. O Girl Up Aju é um movimento que desenvolve habilidades, oferece oportunidades e garante direitos para que meninas tornem-se líderes. “Girl Up é um movimento da ONU que trabalha com a comunidade global de parceiros para alcançar a igualdade de gênero. Através de programas de desenvolvimento, conecta meninas de todo mundo ajudando a posicioná-las como líderes e agentes da mudança”, explicou Mariana Sasso, aluna do Colégio Módulo. “Os meus olhos se acendem quando eu ouço essas notícias. Temos um Programa Educação, muito querido da Coordenadoria e da Presidência do TJSE, que possui várias ramificações no trabalho com a Polícia, com a rede e podemos parcerizar porque temos na vertente da Justiça Restaurativa uma abordagem que pode ser utilizada nessas questões escolares. Faço esse convite, porque queremos construir com vocês esse projeto nas escolas, queremos falar sobre o que é difícil, tocar no que não está sendo tocado para evitar toda essa dor nas mulheres”, ressaltou a Juíza Rosa Geane. É possível conhecer melhor os trabalhos desenvolvidos em prol do protagonismo feminino acessando o perfil @atheneuonumulheres, no Instagram e também o endereço www.girlup.org.
24/11/2021 (00:00)

Contate-nos

Rua dos Andradas  , 1560  , 16º andar
-  Centro
 -  Porto Alegre / RS
-  CEP: 90020-010
4003 84030800 880 8403
© 2021 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia