Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico
Usuário
Senha

Notícias

Newsletter

Nome:
Email:

XIII Semana da Justiça pela Paz em Casa tem início no TJSE

O Tribunal de Justiça de Sergipe (TJSE), por meio da Coordenadoria da Mulher, deu início na manhã desta segunda-feira, dia 11, a programação da XIII Semana da Justiça pela Paz em Casa. As atividades foram abertas no Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, no Fórum Gumersindo Bessa, com a presença da Juíza Coordenadora da Mulher, Rosa Geane Nascimento, da Juíza Titular do Juizado, Eliane Costa Magalhães, e as equipes jurídicas e psicossociais das unidades jurisdicionais. De acordo com a Juíza-Coordenadora da Mulher, Rosa Geane Nascimento, a Semana da Justiça pela Paz em Casa acontece em três edições no ano com o objetivo de acompanhar o andamento e o julgamento dos processos e dar maior visibilidade às ações voltadas à diminuição da violência doméstica e familiar contra a mulher. "A Justiça trabalha com a prevenção da violência doméstica e familiar contra a mulher, com a responsabilização do agressor. Sendo assim, é importante que a comunidade perceba que os processos de violência doméstica e familiar contra a mulher têm um andamento rápido, que são julgados em tempo ágil no Tribunal de Justiça de Sergipe, com a punição adequada dos agressores. Eu sempre digo que precisamos de um olhar diferenciado nesta área, a fim de não desviarmos o olhar da violência, da dor, da intranquilidade em casa, e nisso reside a importância da Semana pela Paz em Casa”, ressaltou Rosa Geane. Em 2018, dos 6.247 processos referentes à violência contra a mulher distribuídos em Sergipe, 6.058 foram julgados. Em 2019, dos 1.316 processos distribuídos, já foram julgados 1.170. No Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher tramitam em média 1.200 processos e segundo a Juíza titular, Eliane Costa Magalhães, a unidade não apenas busca o julgamento dos processos, mas o acolhimento das mulheres vítimas. “Nós tentamos reduzir os índices de violência doméstica e familiar contra a mulher, nos empenhamos, damos o nosso melhor, muito embora, infelizmente, ainda haja um aumento desses índices. Nesta unidade da Justiça, buscamos além de agilizar os processos, acolher a mulher vítima e recebê-la com uma maior sensibilidade para que aqui ela não seja revitimizada”, destacou Eliane. A XIII Semana da Justiça pela Paz em Casa prossegue com uma programação até o dia 15.
11/03/2019 (00:00)

Contate-nos

Rua dos Andradas  , 1560  , 16º andar
-  Centro
 -  Porto Alegre / RS
-  CEP: 90020-010
4003 84030800 880 8403
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia